Reportagem sobre a repressom contra o movimento em defesa dos direitos dos animais

"Em 22 de junho, 12 ativistas que fazem parte do movimento pelos direitos dos animais foram detidos em diferentes partes do Estado acusados de serem responsáveis pela liberação de minks numa fazenda em 2007, de indústria de peles na Galiza. Unidades de contraterrorismo da Guarda Civil, armados com rifles e acompanhados por cães treinados na detecção de explosivos, invadiu às 7h. na parte da manhã a casa dos ativistas, confiscando computadores e materiais de trabalho, tais como camisas e crachás, e transferidos, algemados e em veículos blindados para os tribunais e quartéis esperando para depor."

Actualmente 3 das activistas detidas permanecem encarceradas na prisom de Teixeiro.

Ver a reportagem de tvanimalista nesta ligaçom.